quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

JUFRA DE TERESINA/PI REALIZA JORNADA PELOS DIREITOS HUMANOS



A Juventude Franciscana do Morada Nova (Fraternidade Imaculada Conceição, Teresina/PI), pôde vivenciar uma experiência de partilha, durante a realização da Jornada Franciscana pelos Direitos Humanos, nesta sua quarta edição. Os Jovens com seu espírito franciscano e sua visão humanística do mundo, expuseram e debateram sobre as influências exercidas pela cultura capitalista difundida pelo mundo, na sua forma atual, que pode ser considerada dura e cruel: o Extrativismo Mineral.

Durante os encontros, vários aspectos foram apresentados, tais como a violação dos Direitos, na forma de exploração do trabalho e abuso da falta de informação dos cidadãos de pequenos municípios ou povoados, visando uma apropriação desumana dos recursos naturais ali existentes; segundo relatos dos irmãos, alguns municípios (de sua naturalidade, ou vizinhos) sofrem muito com a chegada de diversas empresas, que ao se instalarem, oferecem inúmeras vantagens, como promessa de desenvolvimento, através da geração de emprego, assim como ocorreu na cidade de Floriano (sul do Piauí), com a chegada da Usina de Biodiesel em 2005, que prometia aumentar a economia local e a fixação do homem no campo, para que este viesse a produzir a matéria prima para abastecer o sistema de beneficiamento de mamona com o projeto Biodiesel, ferindo os direitos dos trabalhadores como filhos e usuários dos recursos oferecidos pela Mãe Terra.

  Logo no início do projeto, a partir do segundo ano, a Brasil Ecodieselse esqueceu da mamona e iniciou outra atividade clandestina, a produção de carvão com a utilização da madeira nativa. Em três anos quase 50 mil hectares de terras virou carvão. Tudo com o aval do IBAMA e da Secretaria Estadual do Meio Ambiente. Não há notícias de alguma ação do Ministério Público nesse crime.

          Em dezembro de 2009 a empresa Brasil Ecodiesel encerrou as atividades no Piauí sem qualquer satisfação à sociedade. A fábrica em Floriano foi fechada e a fazenda Santa Clara(Canto do Buriti–PI), que foi implantada com o objetivo de produzir mamona foi abandonada. As terras doadas pelo Estado do Piauí estão em processo de negociação para serem vendidas ao INCRA.
            A cidade de Gilbués é considerada um deserto vermelho, em virtude da vasta ação mineradora que contribui com a terrível desertificação, em busca de Diamante.Além do leito, as margens do Riachão também são alvo do garimpo. Nos locais conhecidos por Goianinha, Bom Jardim, Compra Fiado e Boqueirão os buracos são capazes de abrigar prédios de até 10 metros de altura.

Na propriedade Boqueirão, onde o trabalhador rural IzaldoNere Oliveira tem um pedaço de terra, a destruição é alarmante. "Foi tudo muito rápido. Quando a gente menos esperava começaram a chegar máquinas e abrir buracos em nossas terras. Destruíram as matas da beira do Riachão todinha, todinha. Depois que acabaram com tudo, foram embora sem dar satisfação", conta gesticulando indignado o agricultor. Segundo ele, a empresa limitou-se a informar que tinha autorização para garimpar ali.

Já em Teresina, evidenciamos a queixa da população local, acerca da alteração da qualidade das águas do Rio Parnaíba pelas atividades da cervejaria Ambev. A Agespisa (responsável pelo fornecimento de água) informou que foi necessário interromper por duas vezes o abastecimento de água em Teresina alegando contaminação do rio com elevados índices de cevada. Em contrapartida, a Ambev nega ter sido responsável pela contaminação da água.

Tomando como base os ideais Franciscanos, os jufristas formularam a imagem de uma sociedade mais justa com distribuição igualitária de recursos, onde não haveria concentração de riquezas, através do acúmulo desenfreado e capitalista, em detrimento dos menores e desfavorecidos.

Estes foram alguns dos aspectos abordados e trabalhados pela Juventude Franciscana, da Fraternidade Nossa Senhora da Imaculada Conceição, Teresina-PI, na IV Jornada Franciscana pelos Diretos Humanos

Abraço Fraterno


Alan de Sousa Lira

Subsecretário Local de DHJUPIC
O que achou?

0 comentários: