domingo, 2 de março de 2014

XXII Encontro das Áreas Nordeste A e B da Jufra do Brasil

No ultimo sábado (01) na cidade de Maceió/AL deu-se inicio o XXII Encontro das Áreas Nordeste A e B da Jufra do Brasil. Com muita alegria durante a parte da manhã do sábado o Jufrista vindos de todos os regionais do nordeste começaram a chegar ao local de realização do encontro, sendo esse o Centro Social da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura no Estado de Alagoas (FETAG) que em clima festivo e fraterno foram todos acolhidos pelos irmãos do Regional Nordeste B1 (Pernambuco e Alagoas).
Após o almoço o encontro foi oficialmente aberto com um belíssimo texto escrito e recitado por nosso irmão Washington Lima e oração de abertura que teve como espiritualizador o Frei Wellington Buarque. As boas vindas foram feitas por nossa irmã Aline Lima (Secretaria Fraterna Local) representando a Fraternidade local, por nosso irmão Douglas Cordeiro (Secretario Fraterno Regional) representando a Fraternidade Regional e nosso irmão Ricardo Meneses (Subsecretario para Área Nordeste B) representando a Fraternidade Nacional. Neste primeiro momento também o Frei Romildo passou as regras da casa e convidou um ex-jufrista a frente, o Francisco de Assis, que recitou o texto Desiderata (na integra abaixo) . E assim teve inicio o XXII Encontro das Áreas Nordeste A e B da Jufra do Brasil que seguiu-se com o lanche e com a exposição das realidades dos regionais. Neste momento os irmãos foram convidados a fazer uma caminhada pelos regionais visitando os cartazes e banners preparados pela regiões começando pelo regional que acolhe o encontro, Regional NE B1 (Pernambuco e Alagoas), passando pelo Regional NE A3 (Paraíba e Rio Grande do Norte), seguido para o Regional NE A2 (Ceará e Piauí), indo para o Regional N B2 (Sergipe), partindo em seguida para o Regional NE B3 (Bahia Norte), caminhando até o regional NE B4 (Bahia Sul) até chegar os Regional NE A1 (Maranhão).
Depois da caminhada pelas realidades de cada regional foi Celebrada a Missa de abertura do encontro presidida pelo Frei Genivaldo, seguiu-se para o Jantar finalizando o primeiro dia com o Convívio fraterno, com muito Forro, Frevo, comida e alegria, organizado pela Área Nordeste A.

Desiderata

Siga tranquilamente entre a inquietude e a pressa, lembrando-se que há sempre paz no silêncio. Tanto que possível, sem humilhar-se, viva em harmonia com todos os que o cercam.
Fale a sua verdade mansa e calmamente e ouça a dos outros, mesmo a dos insensatos e ignorantes – eles também tem sua própria história.
Evite as pessoas agressivas e transtornadas, elas afligem nosso espírito. Se você se comparar com os outros você se tornará presunçoso e magoado, pois haverá sempre alguém inferior e alguém superior a você. Viva intensamente o que já pode realizar.
Mantenha-se interessado em seu trabalho, ainda que humilde, ele é o que de real existe ao longo de todo tempo. Seja cauteloso nos negócios, porque o mundo está cheio de astúcia, mas não caia na descrença, a virtude existirá sempre.
“Você é filho do Universo, irmão das estrelas e árvores. Você merece estar aqui e mesmo que você não possa perceber a terra e o universo vão cumprindo o seu destino.”
Muita gente luta por altos ideais e em toda parte a vida está cheia de heroísmos.
Seja você mesmo, principalmente, não simule afeição nem seja descrente do amor; porque mesmo diante de tanta aridez e desencanto ele é tão perene quanto a relva.
Aceite com carinho o conselho dos mais velhos, mas seja compreensível aos impulsos inovadores da juventude.
Alimente a força do Espírito que o protegerá no infortúnio inesperado, mas não se desespere com perigos imaginários, muitos temores nascem do cansaço e da solidão.
E a despeito de uma disciplina rigorosa, seja gentil para consigo mesmo. Portanto esteja em paz com Deus, como quer que você O conceba, e quaisquer que sejam seus trabalhos e aspirações, na fatigante jornada da vida, mantenha-se em paz com sua própria alma.
Acima da falsidade, dos desencantos e agruras, o mundo ainda é bonito, seja prudente.
FAÇA TUDO PARA SER FELIZMax Ehrmann








O que achou?

0 comentários: