quarta-feira, 23 de maio de 2012

Secretário Nacional da JUFRA na delegação brasileira do Encontro de Pastoral Juveil do Cone Sul

delegacao

Neste domingo (20) começou em Santiago, capital chilena, o 8o Encontro da Pastoral Juvenil do Cone Sul com 70 representantes de Argentina, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai. O evento vai até quinta-feira (24) com a metodologia do Ver-Julgar-Agir-Revisar-Celebrar e reflete o caminho do Projeto de Revitalização da Pastoral Juvenil Latinoamericana.

A delegação brasileira é formada pelos jovens da Coordenação Nacional de Pastoral Juvenil (com representantes das pastorais da juventude, movimentos, congregações e novas comunidades); por dom Vilsom Basso, bispo referencial da juventude no Regional Nordeste 5 da CNBB (Maranhão) e membro da presidência da Comissão Episcopal para a Juventude; pelo assessor nacional da Comisão da Juventude, padre Antônio Ramos do Prado (padre Toninho); e pelos assessores regionais da juventude irmã Zenilde Fontes (regional Sul 3 - RS) e padre Ronald Ciríaco (regional Nordeste 5 - Piauí).
 
Também é membro do Coordenação e da delegação o Secretário Nacional da JUFRA do Brasil Alex Bastos.

“Este evento tem como objetivo reafirmar o aprofundamento do Documento 'Civilização do Amor' e contribuir para a programação do Encontro de responsáveis da juventude Latino Americana a ser realizado no Paraguai em outubro", disse padre Toninho.

A programação do primeiro dia teve missa, experiência de oração a partir da Lectio divina e uma adoração ao Santíssimo Sacramento. "A noite foi uma 'viagem pelo Cone Sul', onde cada país mostrou vídeos e musicas que expressam sua cultura e seu povo", disse Thiesco.

Segundo Viviana Altamirano, responsável da Pastoral Juvenil da região centro do Chile e uma das organizadoras, o início do encontro surpreendeu a todos os presentes. "Pode-se perceber o espírito de missão e pode vê-lo de forma transversal. Como um pentecostes na manifestação de uma só mensagem de Cristo em três idiomas: espanhol, português e guarani".

O objetivo geral do encontro é compartilhar, refletir e concretizar horizontes comuns da região Cone Sul, partindo das experiências de revitalização trazidas de todos os países, para continuar fortalecendo os processos de Pastoral Juvenil na região.
O que achou?

0 comentários: