quarta-feira, 2 de novembro de 2011

JUFRA do Brasil, 40 anos... Queremos viver...





Nos últimos dias 28, 29 e 30 de outubro, Guaratinguetá-SP e Aparecida-SP foram palco do grande Encontro Celebrativo pelos 40 anos da JUFRA do Brasil. A data marcar nomeação da primeira Secretária Nacional da JUFRA em 1971.

O tema do encontro foi: “Jufra 40 anos, construindo o reino nos caminhos da história”. Para celebrar sua presença no Brasil, reuniram-se mais de 200 participantes, entre Jufristas de ontem e de hoje, Frades Franciscanos das três obediências (Menores, Capuchinhos e Conventuais) Religiosas Franciscanas, irmãos (as) da OFS e admiradores da Juventude Franciscana. Foram três dias de muita alegria, celebrações, partilha, vivência em fraternidade e muita festa.


O encontro iniciou na noite de sexta-feira, 28 de outubro, com a acolhida dos irmãos, chegados das áreas Nordeste, Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Em seguida foi realizada a celebração de abertura do encontro, presidida pelo Assistente Espiritual Nacional da JUFRA, Frei Miguel da Cruz OFM, com uma procissão de luzes dando graças pelo irmão fogo, que nos conduziu pela caminhada. Esta celebração recordou os 40 anos de história da JUFRA no Brasil, foi momento de dar graças e rezar pelo futuro da JUFRA. Cinco dos Seis estandartes de Santa Rosa de Viterbo, que peregrinaram pelo país, concluíram nesta celebração a sua peregrinação. Após a missa aconteceu o primeiro convívio fraterno com o “Cine JUFRA”, onde apresentaram-se os vídeos enviados pelos regionais, com a sua participação nesses 40 anos de história.



A manhã de sábado iniciou-se com a oração matinal, uma reflexão sobre a casa do Pai que construímos a cada dia em nós e que para nós é marcada especialmente pelos exemplos de Francisco e Clara. Após um momento de muita alegria e animação com apresentação dos regionais, realizou-se uma mesa redonda com alguns dos Ex-Secretários Fraternos Nacionais. Estavam presentes: Ivone Barzcez, primeira Secretária Fraterna Nacional, representando a década de 70; Maria de Lourdes de Carvalho e Edson Armando da Silva, representando a década de 80, Hoberdan Mota, representando a década de 90, Jackson Barbosa, representando a década de 2000 e Alex Bastos, atual Secretário Fraterno Nacional. Foi um momento riquíssimo e emocionante em que se pôde refletir sobre a história e apontar os desafios para o futuro da JUFRA. Ainda pela manhã realizou-se a Gincana Franciscana, conduzida pelo irmão Erismar Cunha da cidade de Mossoró/RN com uma reflexão sobre os bens naturais, um momento de muita reflexão e animação.



Pela parte da tarde aconteceram sete oficinas: Metodologias de Reunião/Encontros para Fraternidades Locais; Ação Missionária; Cantos Franciscanos; Juventude e Justiça Ambiental; O lúdico na formação Infância, Micro e Mini Franciscanos; Artes Franciscanas e Dimensão Contemplativa e Mística do Jovem Franciscano Secular.


Após as oficinas aconteceu uma mesa muito especial com a presença de representantes do Conselho Internacional da JUFRA, estavam presentes os irmãos: Jackson Barbosa, Conselheiro para a América do Sul; Lovró Súcic, Conselheiro para a Europa; Carlos Tellez Conselheiro para a América Central, Ana Fruk, Coordenadora Internacional da JUFRA, além do ministro Nacional da OFS Antônio Benedito de Jesus da Silva Bitencourt.


À noite aconteceu a Festa dos 40 anos com a apresentação de um vídeo documentário sobre a história da JUFRA no Brasil e apresentações culturais das fraternidades regionais. Esse momento foi de muita diversidade cultural e confraternização.




Na manhã de domingo foi elaborada “Carta de Guaratinguetá: A Jufra que queremos ser”. Os participantes foram divididos nas temáticas: Jufra e Jovens; Jufra e Igreja; Jufra e Família Franciscana; Jufra e Sociedade, com o intuito de expor o sentimento dos Jufristas para esses âmbitos, reafirmando nosso compromisso como jovens franciscanos.



Ainda pela manhã foi celebrada a missa pelos 40 anos da JUFRA do Brasil na Basílica de Nossa Senhora Aparecida, presidida por Dom Frei Leonardo Ulrich Steiner, OFM, Secretário Geral da CNBB.


Encerrou-se o encontro na parte da tarde, com a leitura da Carta de Guaratinguetá no Bosque dos Romeiros, feita pelo Secretário Nacional Alex Bastos e o Assistente Espiritual do Regional PE/AL Frei Wellington Buarque, um momento de forte inspiração para os presentes. Após a leitura o Frei Miguel da Cruz fez a benção do envio e encerrou-se a Celebração do primeiros 40 anos da JUFRA do Brasil.


Que venham os próximos 40 anos...
O que achou?

0 comentários: