terça-feira, 7 de dezembro de 2010

JUFRA NO 1º ENCONTRO NACIONAL DE MOVIMENTOS JUVENIS



Nos dias 03, 04 e 05 de dezembro aconteceu um marco na história da igreja Católica do Brasil - O 1º Encontro Nacional de Movimentos Juvenis (ENMJ). O tema do encontro foi “Jovens Discípulos, Vidas Unidas em Missão”. A JUFRA participou e foi representada pelo Secretário Fraterno Nacional da JUFRA do Brasil Alex Bastos e Maria Aparecida Brito integrante do Regional da JUFRA de São Paulo.


Secretário Fraterno Nacional da JUFRA do Brasil Alex Bastos

Maria Aparecida Brito integrante do Regional da JUFRA de São Paulo


Foram cerca de 270 jovens de 28 expressões juvenis de todo o Brasil que se encontraram no Centro Mariápolis Ginetta, em Vargem Grande Paulista (SP), evento foi organizado pelo Setor Juventude da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Os participantes do encontro buscaram a unidade e a valorização das várias expressões juvenis existentes no país, foi um momento único de troca de experiências e aprendizado para os movimentos da Juventude ligada aos movimentos Católicos.


Padre Carlos Sávio, Assessor do Setor Juventude


Se fizeram presentes no encontro Dom Eduardo Pinheiro, bispo referencial para o Setor de juventude da CNBB, os bispos referenciais dos Setores Juventude dos Regionais Sul 1 (São Paulo) Dom Antônio Carlos Altieri, e o bispo referencial do Setor Juventude do Regional Nordeste 2 da CNBB (Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte), Dom Bernardino Marchió e a participação na celebração de abertura do Encontro do Cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo.Para o assessor do Setor Juventude, padre Carlos Sávio, o encontro celebrou a unidade da juventude brasileira. “O encontro teve dois grandes pilares: as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE) e o Documento 85 da CNBB que foi o subsídio de todo o encontro para que os jovens possam perceber o que sua Igreja pensa sobre a evangelização da sua juventude.


Dom Eduardo Pinheiro, Bispo referencial

para o Setor de juventude da CNBB


Com momentos formativos sobre o documento 85 - Evangelização da Juventude ocorreram em conjunto momentos de partilhas entre os integrantes dos variados movimentos sobre suas atividades na evangelização dos jovens. Tendo base o documentos puderam refletir seu desempenho e ao mesmo tempo o que podem estar fazendo para melhorar em sua realidade de movimento jovem da igreja. Cada um pode conhecer a diversidade de carismas e missões que envolvem a juventude católica atual no Brasil, e como o Documento 85 da CNBB é aplicado de diferentes maneiras. A partir da realidade específica de cada movimento, os jovens encontraram desafios comuns na caminhada. Interligando com a necessidade da unidade entre estes movimentos que dentro da igreja e inspirados em seu carisma vivem e evangelizam a sociedade.


Por ocasião do encontro houve a inauguração do Site Oficial do Setor de Juventude, um portal onde todos os movimentos terão espaço para apresentar suas atividades e carisma, num layout atraente, dinâmico onde todos podem partilhar e conhecer os diversos carismas dos movimentos, acessem www.jovensconectados.com.br


Objetivando um momento mais de descontração foi convidado a banda Rosa de Saron. Eles cantaram e contaram sua história - "Tivemos um encontro pessoal com Deus e resolvemos levar isso aos jovens". Assim os integrantes da banda Rosa de Saron explicaram porque tocam músicas inspirados nos valores católicos que evangelizam tantos jovens por meio da arte, da música.


Alex, Cida e a Banda Rosa de Sharon


Durante o encontro aconteceu uma videoconferência com jovens da Espanha que estão preparando a JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE em Madri - JMJ 2011. Dom Eduardo Pinheiro, bispo-auxiliar de Campo Grande e referencial da juventude nacional da CNBB, disse às duas jovens que a Igreja no Brasil já está em oração pelo sucesso da jornada. Também foi apresentada a coordenação da delegação oficial do Brasil para a JMJ, da qual dois jovens da JUFRA comporão.


O encontro encerrou-se no domingo com a celebração de encerramento, foi de fato um marco na história da juventude da Igreja, que venha outros e que nos próximos possamos contar com uma presença massiva e efetiva da Juventude Franciscana do Brasil, que se fez representar, mas infelizmente não se fez presente por meio de seus regionais.


JOVENS DISCIPULOS, VIDAS UNIDAS EM MISSÃO isso foi só o começo... é a igreja unida para Evangelizar e testemunhar JESUS CRISTO.

O que achou?

0 comentários: